quarta-feira, agosto 31, 2005

ESTAMOS NO TOP 10 !!!

Após 1 ano de funcionamento o blog "Claros e Objectivos" está entre os 10 blogs, de juventudes partidárias, mais visitados a nível nacional!!! Obrigado malta, pelas vossas visitas!

Assim sendo, este ano, esperamos poder manter e se possivel melhorar a nossa posição no "ranking" e contar com mais artigos de opinião e com mais comentários, opiniões e sugestões sobre os posts aqui colocados.

Participa e continua a visitar-nos!

terça-feira, agosto 30, 2005

Rui Cristina - Candidato JSD a Almancil apresentado

Mega-jantar deverá reunir mais de 350 pessoas - sexta-feira -Comparece!!


O candidato cabeça-de-lista à Junta de Freguesia de Almancil, Rui Cristina, vai realizar a sua apresentação pública esta sexta-feira, dia 2 de Setembro, a partir das 20:00 horas, durante um mega-jantar que se realizará no Pavilhão da Escola EB 2,3 Dr. António Sousa Agostinho, em Almancil.

Rui Cristina tem 26 anos, é natural de Almancil, reside em Vale da Venda, e está a finalizar o curso de Engenharia Civil na Universidade do Algarve. Afirma ter “total disponibilidade para ocupar o cargo de Presidente da Junta de Freguesia de Almancil”, tanto mais que os conhecimentos que traz da universidade e a experiência que adquiriu na Câmara Municipal de Loulé ao longo dos últimos seis meses, durante o estágio ali realizado, “dão-me plena confiança para enfrentar este desafio”.

O compromisso de liderar a equipa do PSD candidata à Junta de Freguesia de Almancil, “para mim é um propósito nobre, ímpar e sublime. Por isso, prontamente aceitei o convite do Dr. Seruca Emídio”.

Afirma por outro lado, que “a equipa que me acompanha é constituída por pessoas dispostas a trabalhar e decididas a mudar Almancil, profundamente conhecedoras das carências da freguesia e com reconhecidos méritos. As nossas preocupações incidirão sobre toda a freguesia e os mais diversos aspectos, como o saneamento básico, a rede viária, a segurança, a saúde, o desporto, a cultura e o apoio social, entre outros. Os Almancilenses podem contar comigo, com o meu apoio, com a minha total disponibilidade para encontrar soluções para os seus anseios” - garante Rui Cristina.

Região Sul sabe que para este jantar de apresentação confirmaram já a sua presença mais de 350 almancilenses. Presente neste primeiro contacto de Rui Cristina com o eleitorado estará também o presidente da Câmara de Loulé, Seruca Emídio, que se recandidata a novo mandato, fazendo-se acompanhar dos restantes candidatos da sua lista ao órgão executivo.

Uma última nota para referir que a candidatura de Rui Cristina está patente na Internet, onde pode ser consultada, no endereço: www.almancil.org
in região sul

segunda-feira, agosto 29, 2005

domingo, agosto 28, 2005

sexta-feira, agosto 26, 2005

AS OBRAS PÚBLICAS

Seguidamente apresenta-se um texto enviado pelo nosso companheiro Nuno Rio
-----------------------
Gerou-se ultimamente na sociedade portuguesa a moda de criticar o
investimento em construção. E o anúncio pelo Governo do lançamento do
PIIP foi amplamente utilizado para produzir frases alusivas à
"irresistível tentação do betão", como se decidir a construção de
infraestruturas públicas que a todos beneficiam fosse uma forma de
demagogia destinada apenas a dar trabalho às empresas do Sector.

Curiosamente, são os mesmos indivíduos que utilizam as nossas novas
auto-estradas para irem, com a maior comodidade, passar o fim de
semana ao Algarve, nas casas que ali compraram ou mandaram construir,
os maiores críticos do investimento em obras públicas. Certamente já
esqueceram os tempos idos da poluição da baía de Albufeira ou da praia
de Carcavelos. As horas intermináveis para atravessar o rio Tejo na
antiga ponte. Os engarrafamentos monumentais em Ourique e em Canal
Caveira. E a falta de água nas torneiras em muitas localidades do
País.

Mas são também esses mesmos indivíduos que continuam a achar que "os
outros" deviam usar transportes públicos, cuja falta de qualidade não
conhecem. Que se queixam do estado deplorável das nossas
infraestruturas de saúde, hospitais e centros de saúde. Que criticam a
falta de condições das nossas escolas. E até deploram o tempo que se
demora a embarcar e desembarcar no aeroporto da Portela.

Esquecem esses espíritos pretensamente bem-pensantes que tudo aquilo
de que desfrutam teve de ser construído. E de que só com mais obras
será possível aumentar não só a eficiência do País como os níveis de
desenvolvimento e de conforto das populações.

Talvez se esses críticos do investimento em obras públicas fossem
impedidos de utilizar as infraestruturas cuja construção tanto
censuram as suas opiniões mudassem radical e rapidamente.

by: AECOPS/ Nuno Rio

quinta-feira, agosto 25, 2005

1 ANO EM FUNCIONAMENTO

Faz hoje 1 ano, que este blog começou a funcionar com regularidade.

REUNIÃO DA JSD/ALGARVE

Amanhã, às 21H00, há reunião da Comissão Política Distrital da JSD na sua sede em Faro.

quarta-feira, agosto 24, 2005

SITE DA JSD/ALGARVE

No dia em que os comentários a um post do blog "Claros e Objectivos" bateu todos os records de participação (espero que daqui para o futuro continue este índice de participação), para quem ainda não sabe, fica aqui a informação sobre o site da JSD/Algarve:

Desde o passado mês de Junho, encontra-se completamente operacional a página electrónica da JSD/Algarve. Neste site, cuja morada é www.jsdalgarve.com.sapo.pt (é mais fácil ir à secção das páginas recomendadas e clicar em JSD Algarve) poderás encontrar diversa informação sobre a JSD e sobre o Algarve, nomeadamente os comunicados, as actividades, a equipa, a história da JSD, a história e a descrição do Algarve, etc.

Contamos com a tua visita!

segunda-feira, agosto 22, 2005

quinta-feira, agosto 18, 2005

A INDÚSTRIA DOS INCÊNDIOS

(Texto que circula na net)
-----
Oficialmente, continua a correr a versão de que não há motivações económicas para a maioria dos incêndios. Oficialmente continua a ser dito que as ocorrências se devem a negligência ou ao simples prazer de ver o fogo. A maioria dos incendiários seriam pessoas mentalmente diminuídas.

Mas a tragédia não acontece por acaso. Vejamos:

1 - Porque é que o combate aéreo aos incêndios em Portugal é TOTALMENTE concessionado a empresas privadas, ao contrário do que acontece noutros países europeus da orla mediterrânica?

Porque é que os testemunhos populares sobre o início de incêndios em várias frentes imediatamente após a passagem de aeronaves continuam sem investigação após tantos anos de ocorrências?

Porque é que o Estado tem 700 milhões de euros para comprar dois submarinos e não tem metade dessa verba para comprar uma dúzia de aviões Cannadair?

Porque é que há pilotos da Força Aérea formados para combater incêndios e que passam o Verão desocupados nos quartéis?

Porque é que as Forças Armadas encomendaram novos helicópteros sem estarem adaptados ao combate a incêndios? Pode o país dar-se a esse luxo?

2 - A maior parte da madeira usada pelas celuloses para produzir pasta de papel pode ser utilizada após a passagem do fogo sem grandes perdas de qualidade. No entanto, os madeireiros pagam um terço do valor aos produtores florestais. Quem ganha com o negócio? Há poucas semanas foi detido mais um madeireiro intermediário na Zona Centro, por suspeita de fogo posto. Estranhamente, as autoridades continuam a dizer que não há motivações económicas nos incêndios...

3 - Se as autoridades não conhecem casos, muitos jornalistas deste país, sobretudo os que se especializaram na área do ambiente, podem indicar terrenos onde se registaram incêndios há poucos anos e que já estão urbanizados ou em vias de o ser, contra o que diz a lei.

4 - À redacção da SIC e de outros órgãos de informação chegaram cartas e telefonemas anónimos do seguinte teor: "enquanto houver reservas de caça associativa e turística em Portugal, o país vai continuar a arder". Uma clara vingança de quem não quer pagar para caçar nestes espaços e pretende o regresso ao regime livre.

5 - Infelizmente, no Norte e Centro do país ainda continua a haver incêndios provocados para que nas primeiras chuvas os rebentos da vegetação sejam mais tenros e atractivos para os rebanhos. Os comandantes de bombeiros destas zonas conhecem bem esta realidade.

Há cerca de um ano e meio, o então ministro da Agricultura quis fazer um acordo com as direcções das três televisões generalistas em Portugal, no sentido de ser evitada a transmissão de muitas imagens de incêndios durante o Verão. O argumento era que, quanto mais fogo viam no ecrã, mais os incendiários se sentiam motivados a praticar o crime...

Participei nessa reunião. Claro que o acordo não foi aceite, mas pessoalmente senti-me indignado. Como era possível que houvesse tantos cidadãos deste país a perder o rendimento da floresta - e até as habitações - e o poder político estivesse preocupado apenas com um aspecto perfeitamente marginal?

Estranhamente, voltamos a ser confrontados com sugestões de responsáveis da administração pública no sentido de se evitar a exibição de imagens de todos os incêndios que assolam o país.

Há uma indústria dos incêndios em Portugal, cujos agentes não obedecem a uma organização comum mas têm o mesmo objectivo - destruir floresta porque beneficiam com este tipo de crime.

Estranhamente, o Estado não faz o que poderia e deveria fazer:

1 - Assumir directamente o combate aéreo aos incêndios o mais rapidamente possível. Comprar os meios, suspendendo, se necessário, outros contratos de aquisição de equipamento militar.

2 - Distribuir as forças militares pela floresta, durante todo o Verão, em acções de vigilância permanente. (Pelo contrário, o que tem acontecido são acções pontuais de vigilância e combate às chamas).

3 - Alterar a moldura penal dos crimes de fogo posto, agravando substancialmente as penas, e investigar e punir efectivamente os infractores.

4 - Proibir rigorosamente todas as construções em zona ardida durante os anos previstos na lei.

5 - Incentivar a limpeza de matas, promovendo o valor dos resíduos, mato e lenha, criando centrais térmicas adaptadas ao uso deste tipo de combustível.

6 - E, é claro, continuar a apoiar as corporações de bombeiros por todos os meios.

Com uma noção clara das causas da tragédia e com medidas simples mas eficazes, será possível acreditar que dentro de 20 anos a paisagem portuguesa ainda não será igual à do Norte de África. Se tudo continuar como está, as semelhanças físicas com Marrocos serão inevitáveis a breve prazo.

José Gomes Ferreira

quarta-feira, agosto 17, 2005

5000 VISITAS

A poucos dias do seu 1º aniversário, o Blog da JSD/Algarve "Claros e Objectivos" ultrapassou as 5000 visitas!!!

A JSD/Algarve agradece a todos os que por aqui passaram e que continuam assiduamente a visitar-nos.

segunda-feira, agosto 15, 2005

CONDECORAÇÕES PORTUGUESAS!

E de facto foi mesmo verdade! Os U2 receberam no último domingo, das mãos do Presidente da República a Ordem da Liberdade (uma das mais altas condecorações em Portugal) pelo empenhamento da banda irlandesa nas causas humanitárias.

Esta cerimónia revela o estado de sítio em que estamos a viver, onde um bando de excêntricos (sem afinidade de maior com Portugal) já recebe altas condecorações do Estado Português. Pelo andar da carruagem vamos ver dentro de semanas a condecoração do Mr. Gay com a mesma Ordem da Liberdade pelo facto do cantor se ter empenhado fortemente no casamento e na adopção de crianças por homossexuais (uma das causas que anda agora na berra), ou melhor ainda…vamos assistir à condecoração do inventor do microondas por este ter revolucionado a vida de muitas famílias.

É revoltante ver situações destas, sobretudo quando há milhares de pessoas (só falando em Portugal) que pela sua entrega, trabalho por uma causa ou por actos praticados em prol da comunidade merecem sem sombra de dúvida uma condecoração mas infelizmente nem um simples agradecimento têm por parte da nossa Republica Portuguesa.

Será que o nosso Presidente da Republica trocou as condecorações por bilhetes para assistir ao concerto? (se assim foi, então já vejo alguma lógica nesta fantochada!!!).

domingo, agosto 14, 2005

RESUMO DO PONTAL

No passado dia 6, após 7 anos de interregno, decorreu em Faro, junto à doca de recreio a “mítica” Festa do Pontal que contou com a presença de cerca de 1500 pessoas que puderam assistir ao divertido Torneio de Matraquilhos Humanos da JSD/Algarve (em que a equipa vencedora foi a JSD/Lagos), ao espectáculo musical composto por vários artistas da região, à apresentação dos 16 candidatos do PSD às Câmaras Municipais algarvias e por fim, às intervenções politicas do presidente da JSD/Algarve (Cristóvão Norte), do presidente da Câmara Municipal de Faro (José Vitorino), do presidente do PSD/Algarve (Mendes Bota) e do presidente do PSD (Marques Mendes).

Cristóvão Norte fez alusão à necessidade urgente da criação de uma Faculdade de Medicina no Algarve uma vez que esta região é na Europa uma das que apresenta um menor índice de médicos por cada 1000 habitantes e porque não considera razoável que alunos com média de 18 e 19 valores sejam obrigados a ir estudar medicina para os confins da Europa uma vez que não têm nota suficiente para ingressar nas Universidades Portuguesas.

Durante a intervenção de José Vitorino, este fez um breve balanço dos seus 4 anos de trabalho à frente da Câmara Municipal de Faro referindo-se às dificuldades encontradas e à necessidade de consolidar a mudança na cidade farense.

Mendes Bota referiu-se à necessidade da criação de televisões regionais como sendo um meio de alerta para a opinião pública sobre escândalos, “atentados” e situações menos claras que surgem um pouco por todo o Algarve na área do Ordenamento do Território e Ambiente (entre outros sectores), fazendo uma alusão clara ao caso empreendimento “Omniasol“ na praia de Porto-de-mós em Lagos, já referido neste blog. Mendes Bota, pediu ao líder do partido que na Assembleia da Republica haja empenho e luta pelas causas que digam respeito ao Algarve e apelou ao empenho do partido para que a regionalização se torne uma realidade.

Por fim, Marques Mendes foi ao púlpito agradecer a Mendes Bota o facto de ter ressuscitado o Pontal e expressar as preocupações do PSD, exigindo que o Governo preste esclarecimentos acerca dos estudos de viabilidade económica dos dois grandes elefantes brancos que são a OTA e o TGV, pois esta situação é um claro caso de afronta, insulto e de falta de respeito pelos portugueses. Prometeu que caso permaneça o silêncio que se tem verificado sobre este assunto, em Setembro, o PSD irá tomar na Assembleia da Republica as iniciativas politicas que se impõem.

Sobre as nomeações que o Governo tem vindo a efectuar, são para Marques Mendes uma tentativa de controlar o aparelho do Estado e os centros de decisão, o que é preocupante e perigoso uma vez que estas nomeações são meramente políticas e não pelo mérito ou pela competência do nomeado.

Por fim, Marque Mendes lançou um desafio aos candidatos e aos militantes dizendo que o PSD é necessário a Portugal, mas para isso é necessário ganhar as eleições autárquicas e ajudar em seguida a eleger, pela primeira vez em Portugal, um Presidente da República oriundo da nossa área política.

quinta-feira, agosto 11, 2005

PORTUGAL, OS INCÊNDIOS E O CARVÃO VEGETAL

A Comissão Europeia (CE) revelou ontem um relatório que põe em causa a política de combate aos fogos florestais em Portugal.

Enquanto que os restantes países do sul da Europa (Espanha, França, Itália e Grécia) têm apresentado nos últimos anos um decréscimo acentuado no total de área ardida em relação à média dos últimos 25 anos, Portugal foi o único estado membro onde o fogo devastou mais floresta do que a média referida. (Só em 2003 a área ardida foi aproximadamente de 50%, em 2004 foi cerca de 20% superior à média e infelizmente 2005 tende a bater o record...)

Estes dados, explicam o facto de a área afectada pelos incêndios florestais em terras lusas corresponder a 37% do valor da área ardida no sul da Europa e que o número de fogos represente 41% do conjunto dos 5 países mediterrânicos.

Enfim, o relatório divulgado pela CE apenas vem reforçar e comprovar o que muito boa gente tem dito sobre a problemática dos Incêndios Florestais em Portugal.

Não se consegue perceber porque motivo não se passa de uma vez por todas das palavras à acção e se acabe efectivamente com este flagelo que destrói de forma irremediável a floresta portuguesa, causando danos bastante significativos quer no ambiente, quer actividades socio-económicas directamente dependentes da floresta.

Porque motivo não se aplica uma política e uma gestão concreta para a floresta portuguesa e de combate aos seus fogos (as carências e as falhas já estão perfeitamente identificadas) em detrimento do sistemático e já fastioso mastigar de palavras "standarizadas" e à repetição ano após ano das mesmas conclusões e preocupações? Isto só faz sentido se estiverem à espera que Portugal se torne numa das maiores fontes mundiais de carvão vegetal... Se for esta a política, então estamos de parabéns porque está a ser muito bem sucedida!!!

quarta-feira, agosto 10, 2005

EUA VS IRÃO

De acordo com uma noticia publicada no DN, os EUA podem recusar um visto ao novo Presidente iraniano, que pretende participar em Setembro na Assembleia Geral das Nações Unidas em Nova Iorque.

Segundo a mesma fonte as reticências de Washington estão relacionadas com o alegado envolvimento do referido presidente na tomada de reféns na embaixada dos EUA em Teerão em 1979 e não com o programa núclear do Irão.

Perante este caso, onde se impede um presidente de uma Nação em participar numa reunião da ONU é caso para dizer: Entre os "maus" e os "bons", venha o diabo e escolha!

segunda-feira, agosto 01, 2005

TORNEIO DE MATRAQUILHOS HUMANOS

Como já é do vosso conhecimento, no próximo Sábado vai decorrer em Faro a Festa do Pontal e o 1º Torneio de Matraquilhos Humanos da JSD/Algarve.


Prepara a tua equipa (masculina/feminina/mista) com mais 8 dos teus amigos(as) (militantes ou não) e vem participar neste divertido torneio que certamente irá animar o convívio do Pontal.

Por favor envia, até 5ª feira, para o e.mail da JSD/Algarve a tua equipa. (A inscrição é gratuita)

17H30 - Fase de Aquecimento

18H30 - Inicio do Torneio (Fase de Grupos)